sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Maranhão Cresceu nos Governos Zé Reinaldo e Jackson, Constata IBGE

Clique e ouça comentário do jornalista e ex-deputado Luiz Pedro

"O Maranhão foi o Estado nordestino que mais cresceu em 2007, com uma taxa real de 9,1 por cento. A revelação foi feita com a divulgação da pesquisa Contas Regionais 2007, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE.

Os resultados de dois anos atrás não foram isolados. O Maranhão teve um crescimento consistente entre 2002 e 2007, segundo a mesma pesquisa. A renda por pessoa passou de 2 mil 637 reais em 2002 para 5 mil 165 reais em 2007, um salto de 95,8 por cento, ou seja, quase o dobro.

O período pesquisado corresponde ao governo de José Reinaldo e ao primeiro ano de Jackson Lago, quando o Maranhão apresentou taxas de crescimento mais elevadas do que o Brasil e do que o Nordeste.

Apesar do avanço durante cinco anos consecutivos, a renda por pessoa do maranhense é a segunda pior do Brasil, estando à frente, apenas, da do piauiense, o que mostra a necessidade de se prosseguir no caminho que vinha sendo seguido pelos dois últimos governos de José Reinaldo e Jackson Lago.

Infelizmente esse ciclo de crescimento foi interrompido com o retorno da oligarquia ao comando do Estado. A mudança nas políticas públicas deverá resultar na volta ao atraso que caracteriza o período oligárquico no Maranhão.

Os resultados da pesquisa do IBGE também desmascaram a propaganda que vem sendo feito pelo governo da senhora Roseana Sarney, que mostra na televisão de propriedade da sua família um Estado que existe apenas no mundo da fantasia.

No Maranhão real, o esforço que foi feito pelas equipes de governo de José Reinaldo e Jackson Lago está sendo destruído pelo governo nascido do golpe judiciário de abril. (Da Central de Notícias)

Link Original

Um comentário:

Lismarly disse...

Pena que o POVÃO não sabe a importância desta informação para a escolha dos candidatos!!